sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Poluição.


" - Meu filho , porque tu não deixa botar o projeto de poste aí?

- Eu nada, presta não esse negoço de energia pai.

- Mas a gente vai poder ter geladeira e tomar aquele suquinho gelado óia!

- Num gosto de suco.

- Ventilador, lâmpadas?

- Se deus quisesses luz a noite tinha botado outro sol, e até que bate um ventinho a noite.

- E que tal uma televisão pra assistir desenho?

- Aquelas coisas japonesas do "oião"? Homi! Se passasse Silvio Santos o dia todo eu ainda nao queria!

- Mas sua mãe quer assistir a novela sem ter que ir pra praça na televisão pública e eu assistir o Globo Rural de manhã!

- Que nada, ela gosta de ir pra lá falar da vida do povo. Se ela não for vai ficar sem assunto e eu nao quero que mainha fique triste.

- Se você não me dizer porque peste não quer o poste aí eu vo botar agora "mermo"!

- Você não vai dar uns "gato" em mim não?

- Diga logo!

- É que é assim painho... se você botar esse negoço aí eu não vô poder soltar mais pipa.

6 comentários:

Fabiano disse...

kkkkkkkkkkkkk

pra variar a sagacidade das suas letras encantam, fazem rir, e faz-nos terminar com uma de interrogação versus exclamação...

muito boa!]

Allysson Allan disse...

Muito boa! Agora o "como" colocar o poste requer outro lindo post! hahahhahaa

Móó legal disse...

é engraçado

e extremamente preconceituoso, hein!?
mas do que seria do humor sem um pouco disso, né?!


==
www.moolegal.wordpress.com

Lívia disse...

ahaahahaa, tudo muuiito bom por aqui.. quando eu quero rir, só é dá uma olhadinha aqui :D
adooro!

Alice Daniel disse...

Não seria a ilusão infantil o mais importante sentimento neste mundão de Deus?

Mário Júnior disse...

Esperava mais do final.

Mas ele bem que poderia substituir a pipa por bolas de gude...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...